Medo, desespero e angústia: um retrato das atuais sociedades distópicas

Para a professora Olgária Matos, vivemos no que seria caracterizado como uma anticidade, sob o domínio do medo e da descrença nas instituições que compõem a sociedade

Deixe um comentário