Anúncios
Advertisement

Concurso Público STN | Analista de Finanças e Controle

Concurso Público STN  - AFCDivulgado edital de Concurso Público da Secretaria do Tesouro Nacional (STN), destinado ao preenchimento de vagas para o cargo de Analista de Finanças e Controle (AFC) da STN.

Cargos e Remuneração

Clique abaixo para ampliar o quadro de vagas do Concurso Público da STN – AFC

Vagas Analista  Finanças e Controle do STC

Advertisement

Inscrição

  • Presencial: através do site www.esaf.fazenda.gov.br, no período das 10:00 h de 22 de setembro até às 18:00 h de 03 de outubro de 2008 (horário de Brasília-DF).
  • Internet:

Para efetivar sua inscrição, o interessado deverá efetuar o pagamento da taxa de inscrição no valor de R$ 100,00 através de boleto eletrônico (GRU – COBRANÇA) em qualquer agência bancária.

Provas

O Concurso Público da STN constará das seguintes etapas:

  1. Prova Objetiva de Conhecimentos Gerais, de caráter seletivo, eliminatório e classificatório.
  2. Prova Objetiva de Conhecimentos Específicos para cada Área de Conhecimento/Campo de Atuação: de caráter seletivo, eliminatório e classificatório.
  3. Prova Discursiva para cada Área de Conhecimento/Campo de Atuação, de caráter seletivo, eliminatório e classificatório.
  4. Prova de Títulos, de caráter apenas classificatório.
  5. Curso de Formação, de caráter apenas eliminatório, a ser realizado em Brasília-DF.

As provas do concurso serão aplicadas em diversas capitais do país (vide edital) na data provável 8 e 9 de novembro de 2008. Os detalhes relativos a execução das provas serão conhecidos posteriormente, através do cartão de confirmação (enviado via correio) e edital específico a ser publicado no Diário Oficial da União (DOU) e disponibilizado no website www.esaf.fazenda.gov.br.

Gabarito e Resultado

Os gabaritos das provas e suas respectivas questões, serão disponibilizados nos locais de realização das provas e no endereço eletrônico www.esaf.fazenda.gov.br a partir do primeiro dia útil após a aplicação das mesmas.

Edital

Edital e documentos relacionados ao Concurso Público STN para Analista de Finanças e Controle
Data Tipo Arquivo
15/09/2008 Edital (Arquivo PDF) Edital de Abertura

Fonte: Concursos Publicos AgroBase

Concurso Público STN | Analista de Finanças e Controle

Anúncios

Editais do concurso do Senado são publicados e inscrições começam na segunda-feira

Editais do concurso do Senado são publicados e inscrições começam na segunda-feira
[Foto:]

O Diário Oficial da União (DOU) publicou nesta sexta-feira (12) os cinco editais do concurso público do Senado para o preenchimento de 150 vagas de diversos cargos de nível superior (89 vagas) e médio (61 vagas). Desse total, 5% estão reservadas aos candidatos portadores de deficiência. Os salários variam entre R$ 6.722,68 – para nível médio – e R$ 13.879,95 – para consultor de orçamentos. As provas objetivas e discursivas serão aplicadas pela Fundação Getúlio Vargas (FGV) no dia 9 de novembro, com exceção dos cargos de advogado e consultor, que farão as provas objetivas no dia 9 novembro e as provas discursivas em 23 de novembro. Essas informações estão contidas na seção 3 do DOU, a partir da página 121, ou no site do Senado.

As inscrições para o concurso, que começam na segunda-feira (15) e poderão ser feitas até o dia 10 de outubro, custarão R$ 80 para nível superior e R$ 50 para nível médio. Os candidatos que comprovarem não ter condições financeiras para pagar a inscrição serão isentos do pagamento, desde que atendam as exigências do edital. As provas serão realizadas em sete capitais: Belém, Belo Horizonte, Brasília, Porto Alegre, Recife, Rio de Janeiro e São Paulo.

Segundo o presidente da Comissão Especial do Concurso, José Alexandre Lima Gazineo, que é diretor-geral adjunto do Senado, alguns dados divulgados anteriormente para a imprensa – como os relativos a datas de provas, salários e inscrição – foram alterados para adequar o edital às necessidades do mercado e beneficiar os candidatos na realização das provas.

– Queremos funcionários aptos a servir o Senado. Por isso, alteramos alguns critérios previstos para o edital para que ele refletisse as exigências da instituição e as necessidades dos candidatos – explicou Alexandre Gazineo.

Cargos e salários

As vagas para nível superior estão divididas entre os cargos de analista legislativo (25 vagas para a área de processo legislativo, 25 vagas para a área de apoio técnico-administrativo e 21 vagas para a área de comunicação social); analista de informática legislativa (8 vagas); consultor legislativo de orçamento (2 vagas); e advogado (8 vagas).

Já para o nível médio – cargos de técnico legislativo -, haverá vagas para as áreas de processo legislativo (10), apoio técnico-administrativo (10), polícia legislativa (2) e comunicação social (39).

Os salários, para os cargos de nível superior, são de R$ 13.879,95 para consultores; R$ 12.677,28 para advogados; R$ 12.264,48 para analistas legislativos da área de comunicação social; e R$ 9.580,50 para os demais cargos de analista legislativo. Para os cargos de nível médio, o salário é de R$ 6.722,68.

Comunicação Social

As provas objetivas para os cargos de comunicação social, de nível superior, serão de língua portuguesa, conhecimentos gerais, inglês, espanhol e conhecimentos específicos. Já a prova discursiva exigirá dos candidatos conhecimentos específicos e em língua portuguesa. A seleção para os cargos de relações públicas terá ainda uma segunda etapa, constituída de prova prática a ser aplicada entre os dias 2 e 4 de dezembro, composta por uma entrevista para avaliação do domínio e da fluência oral em línguas (inglês e espanhol) e conhecimentos técnicos relacionados à área de atuação.

Já para a seleção aos cargos de nível médio na área de comunicação social, serão exigidos conhecimentos gerais, língua portuguesa, inglês, noções de informática e conhecimentos específicos. A prova discursiva será sobre conhecimentos específicos e redação. Para os cargos de técnico em locução, haverá ainda prova prática, também realizada entre os dias 2 e 4 de dezembro, que será composta da preparação e leitura de um texto. Essa seleção visa à avaliação da experiência do candidato nas áreas relacionadas a sua especialidade.

Tanto para os candidatos de nível superior quanto para os de nível técnico para os cargos em comunicação social e que tenham sido aprovados nas duas etapas haverá ainda outra fase de avaliação, que consistirá num curso de formação de caráter eliminatório. Esse curso terá início no dia 17 de dezembro, com encerramento previsto em 20 de janeiro de 2009.

Analista de informática legislativa

Para analista de informática legislativa, a prova objetiva exigirá língua portuguesa, conhecimentos gerais, língua inglesa e conhecimentos específicos. Já a prova discursiva conterá conhecimentos específicos e redação.

Demais cargos de analista legislativo

Os demais cargos de analista legislativo – área de processo legislativo – farão provas objetivas de língua portuguesa, conhecimentos gerais, língua inglesa e conhecimentos específicos. A prova discursiva conterá conhecimentos específicos e língua portuguesa.

Já as 25 vagas destinadas aos cargos de nível superior de apoio técnico-administrativo destinam-se aos profissionais de tradução e interpretação, administração, arquitetura, arquivologia, biblioteconomia, contabilidade, engenharia civil, engenharia elétrica, engenharia mecânica e medicina.

Para tradução e interpretação, haverá provas objetivas de português, conhecimentos gerais e específicos. As provas discursivas serão de inglês, português e espanhol. Os candidatos para esse cargo também passarão por uma segunda etapa de provas, no dia 3 de dezembro, que se constituirá em prova oral – avaliação de leitura, tradução e versão – e palestra, com argüição no idioma estrangeiro e no vernáculo, que permita verificar a aptidão para o cargo.

Para os demais cargos, as provas objetivas serão de português, conhecimentos gerais, inglês e conhecimentos específicos. O teste discursivo será de conhecimentos específicos e língua portuguesa.

Advogado e consultor

O candidato ao cargo de advogado fará provas objetivas de língua portuguesa, língua inglesa e conhecimentos específicos. As provas discursivas serão de conhecimentos específicos, língua portuguesa e de elaboração de uma peça jurídica.

Já os inscritos para o concurso de consultor farão provas objetivas de língua portuguesa, conhecimentos gerais e específicos. A prova discursiva será de conhecimentos específicos, língua inglesa (tradução), redação e de elaboração de um parecer sobre preposição legislativa.

Advertisement

Polícia legislativa

Para os cargos de técnico legislativo na área de polícia legislativa, as provas objetivas serão de língua portuguesa, conhecimentos gerais, língua inglesa, noções de informática e conhecimentos específicos. As provas discursivas serão de conhecimentos específicos e redação. Haverá ainda uma segunda etapa, a ser realizada entre os dias 2 e 4 de dezembro, constituída por uma avaliação médica e funcional, ocasião em que o candidato deverá apresentar uma série de exames complementares que se destinam a aferir se goza de saúde física e mental para se submeter a teste de capacitação física, bem como para desempenhar as atividades típicas do cargo.

Para os aprovados nessas duas etapas, haverá ainda um curso de formação de caráter eliminatório, que ocorrerá entre os dias 5 e 29 de janeiro de 2009.

Demais cargos de técnico legislativo

Para os demais cargos de técnico legislativo, as provas objetivas serão de língua portuguesa, conhecimentos gerais, língua inglesa, noções de informática e conhecimentos específicos. As provas discursivas serão de conhecimentos específicos e redação.

Confira os editais.

Valéria Castanho / Agência Senado
(Reprodução autorizada mediante citação da Agência Senado)